This Page is not available in English  

Saltar para: Menu Principal, Conteúdo, Opções, Login.

Programa de Mentoria do IPS chega aos 250 participantes na 3ª edição

Diplomados e estudantes preparam juntos o ingresso na vida profissional

Cerca de 250 diplomados e estudantes do Instituto Politécnico de Setúbal (IPS) vão trabalhar em equipa ao longo dos próximos meses, na 3ª edição do Programa de Mentoria, que arrancou no dia 20 de novembro, registando o triplo da adesão alcançada no ano de lançamento da iniciativa.  

O programa, que surgiu no âmbito da rede AlumniIPS, em 2017, pretende pôr em contacto quem já se formou (mentor) e ingressou no mercado de trabalho há vários anos e quem está agora a finalizar o seu ciclo de estudos no IPS (mentorandos), num registo de acompanhamento/aconselhamento.

##1## ##2##

Trata-se de um "programa exigente", que implica "uma grande generosidade por parte dos mentores", e que deve ser encarado pelos estudantes como "um processo de aprendizagem e de crescimento", paralelo à preparação técnica, em contexto de aula. Merece, por isso, o mesmo "espírito de compromisso" e de "abertura para aprender", como apelou na sessão de abertura o presidente do IPS, Pedro Dominguinhos.

"Não estamos a falar de explicadores. O objetivo principal deste programa é o desenvolvimento de competências transversais", esclareceu também Carlos Mata, pró-presidente da instituição para a Inserção na Vida Ativa, lembrando os quatro workshops que integram igualmente o plano de trabalho do programa, justamente na área das soft skills, comunicação, networking e empreendedorismo. 

##3## Chamado para dar o seu testemunho, Vasco Gorjão, diplomado em Ciências Empresariais e mentor desde a 1ª edição, confessou aos presentes que sente esta experiência como um "programa de melhoria contínua, tanto para os mentorandos, como para os mentores". Entre os benefícios deste trabalho de parceria, o gestor de projeto nos CTT realçou a possibilidade de desenvolver competências "por vezes minimizadas, mas que são fundamentais em momentos chave e oportunidades que nos surgem", nomeadamente qual a atitude a ter numa entrevista de emprego decisiva ou como estar nas aulas para ter melhor desempenho.
##4##  Antes ainda de serem conhecidas e apresentadas as equipas de mentoria para o ano 2019/2020, a diplomada Cláudia Patão, na área da Gestão de Recursos Humanos, partilhou também a sua experiência enquanto mentoranda na 2ª edição. Aos que vão agora começar esta aventura, deixou o conselho de que "aproveitem os conhecimentos transmitidos por quem tem já uma vasta experiência e se dispõe a dedicar-nos tempo". E enquanto recém-chegada ao mercado de trabalho reconhece que ganhou em "capacidade de reflexão e de foco nas metas e prioridades" e que o Programa de Mentoria a fez "crescer enquanto profissional e também enquanto pessoa".

21 de novembro/2019

Opções
Últimas Notícias
1.ª Feira de Parceiros do IPS | 11 de dezembro
IPS distinguido como instituição de ensino superior Mais Voluntária
São Silvestre do Sado IPS estreia corrida para os mais novos
Programa Desenvolver+ Oxigénio | Atividades para dezembro
IPS inaugura ciclo de formação sobre Direitos Humanos e Democracia